Tecnologia sem cerimônias à mesa

20/01

A tecnologia e a popularização dos recursos wi-fi estão avançando as fronteiras da imaginação. Uma marca mundial de eletrodomésticos lançou este ano, uma geladeira que dispõe de um tablet na porta, simplesmente para controlar o estoque de alimentos que está dentro do eletrodoméstico. Como se não bastasse o conforto, segundo o fabricante, o eletrodoméstico vem com um aplicativo que permite fazer compras direto da geladeira, para abastecer os itens faltantes. Outra vantagem da novidade para a cozinha é que o aplicativo ‘conversa’ com o smartphone do dono, quando ele quiser checar o estoque de alimentos, sem precisar abrir a porta. Uma das vantagens deste recurso é a economia de energia que a porta fechada da geladeira proporciona, bem como a organização do abastecimento do lar. Os consumidores alemães, os primeiros a ter contato com o eletrodoméstico, garantem que será mais fácil fazer a lista de compras do supermercado a partir de agora.

Outra novidade no âmbito gastronômico e que se prepara para servir aos proprietários de smartphones é o “Uber de alimentos”. A multinacional que revolucionou o mundo com uma nova proposta de transporte de locação nas grandes cidades, agora abre uma nova frente de negócios na entrega de alimentos em domicílio. O nome é UberEats, com referência à palavra “eat”, que em inglês, significa ‘comer”, a exemplo do que fez em 52 cidades do mundo, deu início ao cadastro de motoboys em São Paulo.

A tecnologia também tem turbinado os negócios do segmento de restaurantes e lanchonetes no país. Uma estimativa da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) indica que o mercado de delivery de alimentos deve movimentar R$ 10 bilhões/ano. O uso da tecnologia por meio de aplicativos diversos traz comodidade para quem compra e capilaridade para quem vende, favorecendo os estabelecimentos a encontrar novos clientes e renovar sua rede de contatos.

Por Sandra de Angelis

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *